Dieta pós-parto cesárea para emagrecer depois da gravidez

Não perca neste artigo a melhores de todas as formas de Dieta pós-parto cesárea para emagrecer depois da gravidez.

Dieta pós-parto cesárea para emagrecer depois da gravidez! Atenção, ante de seguir para este tipo de dieta você precisa da autorização do médico. Comece a fazer dieta restritiva apenas após acabar o ciclo da amamentação.

Após o parto as mamães também precisam ficar atentas ao que compram nos supermercados, a fim de evitar alimentos industrializados que são cheios de conservantes e podem prejudicar a qualidade do leite oferecido ao bebê.

Procure sempre alimentos naturais e se alimente de comida de verdade.

Além disso, é necessário priorizar a forma como a comida é feita. Cozidos e assados são ótimas alternativas às frituras, que são bastante gordurosas e prejudicam a saúde da mãe e consequentemente do bebê.

Uma vez que você deseja emagrecer se faz necessário evitar a todo o custo todos os tipos de frituras e alimentos não considerados saudáveis, principalmente no início, quando você começa a dieta pós-parto cesárea!

Segredos revelados dieta pós cesárea!

Abaixo existe um link que direciona você para o melhor artigo da internet com dicas completas de dieta pós-parto.

Acesse agora: Dieta pós-parto cesárea em todos os detalhes

Exercícios para pernas e bumbum

Agachamento com salto, passada/avanço, elevação pélvica e muitos outros exercícios para pernas e bumbum para fazer em casa ou na academia.

O verão está chegando e nada melhor do que aproveitar essa excelente época do ano com aquele corpo ideal. Neste artigo, você confere os melhores exercícios para pernas e bumbum.

Melhores exercícios para pernas e bumbum

Dessa forma, preparamos uma lista de exercícios pernas e bumbum que irão lhe proporcionar os melhores resultados em curto período de tempo. Tudo isso para que você aproveite a melhor estação climática do ano.

O primeiro de todos os exercícios para pernas e bumbum é o de agachamento com salto, perfeito para o aquecimento de treinos mais intensos a afim de trabalhar essas duas regiões do corpo que as mulheres adoram malhar.

Diariamente, realize 20 práticas de agachamento com salto. Sempre lembrando que a importância de intervalos para descanso, já que este é um dos treinos para pernas e bumbum que exige muito do corpo.

Para completar o aquecimento de exercícios para pernas e bumbum, faça uma série de 15 polichinelos e, se preferir, opte por uma corrida leve ou pule corda para reforçar a panturrilha e ganhar resistência muscular.

Não se esqueça de um detalhe muito importante! Antes de praticar os melhores exercícios pernas e bumbum você deve fazer alongamento. Não esqueça de alongar os músculos também após o treino.

Exercícios para fazer em casa HIIT: mistérios revelados

Na íntegra! Conheça os melhores exercícios para fazer em casa do tipo HIIT (Treinamentos Intervalados de Alta Intensidade).

Para ampliar seus exercícios para fazer em casa HIIT em casa invista seu tempo em treinamentos funcionais, a fim de trabalhar todas as partes do corpo de um modo que você ganhe saúde, perda peso e tente superar seus próprios limites.

Melhores exercícios para fazer em casa HIIT

Os exercícios para fazer em casa, a partir do treinamento funcional, consistem em utilizar acessórios, como: cones, mini trampolim, cinto de tração, bolas e cordas.

Dessa forma, você pode complementar os exercícios para fazer em casa empurrar, girar, equilibrar e correr a partir do uso dessas ferramentas.

Como esses equipamentos, sempre mais leves se comparados com que encontramos na academia, a execução dos exercícios em casa fica mais fácil e a perda de peso é uma garantia.

No entanto, é importante lembrar que tanto o treinamento funcional quanto os mais simples exercícios em casa devem ser feitos de maneira correta, para que você não prejudique o seu corpo.

É preciso lembrar ainda que não é preciso abandonar a academia para que você possa fazer exercícios em casa. Uma atividade física pode, perfeitamente, complementar a outra.

Leia mais

10 benefícios dos exercícios físicos para o corpo humano

Treino intervalado para gordura abdominal é mais efetivo com música

Treino hiit youtube: Os 5 melhores para fazer em casa

Perder barriga pós-parto

A seguir conheça algumas dicas de dietas e exercícios físicos para mulheres que desejam perder barriga pós-parto de uma maneira segura!

A seguir conheça algumas dicas de dietas e exercícios físicos para mulheres que desejam perder barriga pós-parto de uma maneira segura!

Dieta Dukan: perder barriga pós-parto

A dieta Dukan, por exemplo, é dividida em quatro formas e tem como objetivo a reeducação alimentar, sem restrição de alimentos ao final do processo. Mas como funciona isso?

Na primeira fase você ingere alimentos ricos em proteínas, podendo comê-los à vontade. Isso por aproximadamente duas semanas.

Depois você deve acrescentar vegetais às proteínas e dar sequência por mais 15 dias. E é aqui que começa a fase da reeducação.

Na terceira etapa são necessários pães integrais, queijos e carboidratos. Mas tudo de forma moderada.

Ao final da dieta, após dois meses, é ideal que você já seja capaz de se alimentar corretamente, com horários fixos, boa fonte de vitaminas e proteínas. Funciona para perder barriga pós-parto.

Dieta do carboidrato

Já a dieta do carboidrato consiste no menor consumo da substância. Como estamos acostumados a ingerir carboidratos diariamente acaba sendo criada a massa no nosso corpo, o que leva ao ganho de peso.

Essa dieta se baseia em diminuir o carboidrato, já que ele é necessário nas refeições, e substituir o excesso por outros alimentos que não tenham carboidratos.

Dieta Detox: melhores dicas para perder peso

Também entre as melhores dietas para perder peso está a dieta detox. Ela é feita apenas com ingestão de líquidos ricos em proteínas e vitaminas.

O ideal é se alimentar a cada duas horas desses líquidos – pode ser suco de limão, melancia, sopas, sucos de vegetais, frutas ou soros – nos primeiros dois dias.

Só depois é preciso iniciar o processo da ingestão de alimentos ricos em fibras, águas e antioxidantes. No vigésimo primeiro dia da diet você pode retomar o consumo de outros alimentos, intercalando com a dieta detox, para não perder o ritmo.

Contudo, não adianta fazer apenas dieta para perder barriga pós-parto. Você também precisa praticar os melhores exercícios para perder barriga pós-parto.

Treinamento Hiit em jejum é possível?

É possível realizar o treinamento Hiit em jejum? O que os especialistas dizem sobre o assunto? Confira a seguir neste post informativo.

Treinamento Hiit em jejum é possível de verdade? Mas, é claro que não, afinal, este tipo de treino exige muita energia, o que requer reserva de combustível conquistada via alimentações.

É importante alimentar-se bem, a base de carboidratos e proteínas a fim de manter as reservas energéticas. Existem carboidratos que fornecem energia de forma mais rápida enquanto existem outras que liberam lentamente as proteínas que são indispensáveis na reconstrução das fibras e tecidos musculares.

Leia mais

Como ficar com a barriguinha durinha?

Programa de emagrecimento: resultados de 1 anos em 4 semanas.

Treinamento Hiit e dieta

A sugestão é que meia hora antes o praticante faça uma refeição com os carboidratos simples, como batata doce e frango grelhado ou se estiver com pressa, uma salada de fruta com granola.

O HIIT promove a queima de energia por várias horas depois do exercício, dessa forma no pós-treino é necessário repor os nutrientes com as proteínas e carboidratos que libram de forma gradual como por exemplo um sanduiche integral com peito de peru,

O cuidado com a alimentação influenciará no desempenho. E o melhor do HIIT é que diferente dos exercícios aeróbios de menor impacto sua pratica reduz o apetite desde que haja compensação energética.

E é claro, não esquecer de se hidratar bastante durante e depois do treino preferencialmente com água alcalina ou água de coco, que também é alcalina.

O ph alcalino repõe o magnésio dentro das células aumentando o rendimento e reduzindo o ácido lático. Agora que você já sabe, nada de jejum.

Mais informações

Como fazer para a barriga ficar tanquinho: alimentos e exercícios

Lesões mais comuns no esporte de corrida

Melhores exercícios para perder peso

Qualquer pessoa pode praticar HIIT?

Afinal, qualquer pessoa pode praticar HIIT? Existem contraindicações que devem ser consideradas? Confira a seguir estas e outras respostas.

Será que qualquer pessoa pode praticar HIIT? Abra quaisquer revistas de fitness (ou mesmo sites de mídia social) e você será obrigado a ver pelo menos uma declaração de amor aos treinos intervalados de alta intensidade.

HIIT, ou, treino intervalado de alta intensidade, serve para todas as pessoas entre 18 e 60 anos. Quem tem menos ou mais idade do que a faixa etária recomendada precisa consultar o médico antes de praticar tais exercícios que tem o foco de queimar gorduras em um curto período de tempo, intensamente.

Nos exercícios intervalados de alta intensidade você faz movimentos em uma alta intensidade (cerca de 80-90% da própria escala de dificuldade) por um período de tempo, descansando na sequência, e, em seguida, iniciando uma repetição.

Quer perder peso e ganhar músculos? Então não perca os 10 melhores exercícios cardio que você precisa fazer na rotina de exercícios na semana.

Qualquer pessoa pode praticar HIIT e colher benefícios?

HIIT é eficiente para todas as pessoas. Os exercícios podem ser tão curtos quanto seis minutos de duração, embora alguns possam durar até uma hora. Na prática depende do programa de treino HIIT que você usa.

Ao fazer o Q48, conhecido por ser um dos mais populares programas nos quais qualquer pessoa pode praticar HIIT, seguramente você não gasta mais do que 15 minutos ao dia.

Não se pode ignorar o fato de que sessões de treinamento HIIT empurram o ritmo cardíaco para cerca de 90-100%, no máximo. Então, é eficiente e eficaz para o fortalecimento ao longo do tempo, de uma forma segura.

Tecnicamente falando, aulas de HIIT focam na repetição do mesmo exercício, executado em um curto espaço de tempo, o que cria uma privação de oxigênio.

Isso faz com que exista um maior gasto energético durante a recuperação. Você continua a queimar mais calorias depois de terminar o treino. Outros benefícios incluem um impulso de aptidão aeróbia e anaeróbia.

Enfim, qualquer pessoa pode praticar HIIT e ficar magra em poucas semanas!

Mais dicas

Desafio VIP 60: Emagreça com resultados rápidos, duradouros e saudáveis

Exercícios para secar barriga definitivamente?

Perder peso rápido? Veja o que Harley Pasternak tem a dizer

CARDÁPIO SAUDÁVEL PARA UMA BOA SAÚDE

Quem consegue resistir a um delicioso sorvete ou a uma massa bem elaborada? Ou a um delicioso cachorro quente? Alguns alimentos industrializados conseguem ser tão saborosos para nosso paladar, que fica difícil evitar, mas e o lado nutricional, onde fica?

É importante salientar que alguns destes alimentos não precisam ser eliminados do seu cardápio, principalmente se for algo que você goste muito. O que deve ser feito, é a dosagem correta de cada alimento, evitando assim os excessos. Porque não escolher algum alimento de sua preferência e saboreá-lo uma vez por semana em pequena quantidade, em vez de se empanturrar de guloseimas a toda hora?! Começar por essa mudança já traz uma diferença enorme na balança!

E como o assunto é saúde e nutrição, abaixo você vai encontrar opções de ingredientes magros e ricos em proteínas, para todas as refeições.

Em primeiro lugar, prepare-se para comer seis vezes ao dia, ou seja refeições mais leves, mais vezes ao dia. Comendo de três em três horas você não sobrecarrega o organismo, acelera o metabolismo, o que proporciona alta queima calórica e ainda de quebra você não fica morrendo de fome por aí e abusando nas principais refeições.

O que é liberado?

  • Pães e arroz integrais

  • Grãos integrais e leguminosas

  • Proteínas magras

  • Legumes e verduras

  • Frutas

O que é barrado?

  • Doces

  • Comidas preparadas com farinha refinada

  • Arroz branco e macarrão branco

  • Refrigerantes

  • Álcool

CARDÁPIO:

CAFÉ DA MANHÃ

Café da manhã
Café da manhã

Sugestão 1: 1/2 mamão papaia batido com 1 copo de leite desnatado + 2 pedaços de pão integral light com + 1 pedaço de ricota e 1 colheres (chá) de mel.

Sugestão 2: 1 xícara (chá) de café com leite desnatado + 1 pão integral com 1 ovo.

Sugestão 3: 1 iogurte desnatado misturado com 2 colheres de cereal integral, sem açúcar + 6 morangos.

LANCHE DA MANHÃ

Sugestão 1: 1 banana em rodelas misturada com 1 colheres de aveia.

Sugestão 2: 1 iogurte natural desnatado com + 1 colheres de granola.

Sugestão 3: 1 porção de castanha-do-pará picada + semente de girassol + damasco + uva-passa.

ALMOÇO

Sugestão 1: 1 porção de salada de alface, tomate e cenoura ralada + 2 colheres de arroz integral + 2 pedaços de maminha ou lagarto assado + 3 ramos de brócolis + fruta.

Sugestão 2: 1 porção de salada verde + 2 colheres de arroz + 7 grãos ou integral + 1 filé de frango grelhado + 1 pires de abobrinha refogada + fruta.

Sugestão 3: 1 porção de salada de rúcula, alface-americana e tomate + 1 filé + 2 colheres de purê de batatas +1 porção de espinafre refogado + fruta.

LANCHE DA TARDE

Sugestão 1: 2 torradas integrais com 2 colheres de requeijão light e 2 colheres (chá) de geleia de morango ou framboesa diet.

Sugestão 2: 2 pedaços de pão integral light com 1 pedaço de queijo branco + 2 pedaços de peito de peru defumado, tomate e alface.

Sugestão 3: 1 iogurte natural desnatado misturado com + 1 ameixa seca e 2 colheres de granola.

JANTAR

Sugestão 1: 1 porção de salada verde+ 1 filé.

Sugestão 2: 1 porção de salada verde + 1 omelete feita com 1 ovo inteiro + 1 clara + 3 pedaços de peito de peru e tomate picado.

Sugestão 3: 1 porção de salada de folhas, tomate, cenoura, palmito e salsão ou outros legumes à sua escolha + 1 berinjela recheada com carne moída.

CEIA

Sugestão 1: 1 pedaço de queijo branco com + 1 colheres (sobremesa) de geleia.

Sugestão 2: 1 iogurte light.

Sugestão 3: 2 rolinhos de mozarela light com peito de peru.

  • Café e chá à vontade, desde eu seja sem açúcar.

  • Dê preferência em temperar sua salada com limão e azeite.

Esse é mais um cardápio saudável para fortalecer sua saúde!

Bom apetite!

10 dicas de dietas

Fazer o uso de diversas dietas da moda  se torna realmente muito difícil de ser aplicadas no dia-a-dia e mais difícil de seguir religiosamente quando se tem uma vida muito agitada.  Sendo assim, mesmo que você consiga seguir uma dieta restritiva e conseguir observar os resultados quase imediatos,  a mais dura realidade  é que quando terminar a dieta, o peso que perdeu vai invariavelmente voltar.  Sendo assim, nesse artigo você confere 10 dicas de truques que funcionam em qualquer dieta e que você pode aplicar no seu dia a dia para que esse peso eliminado não voltem mais.

De olho na quantidade de alimentos de você come.

É muito importante saber controlar a quantidade de alimentos  que você consome de forma sensata, sendo assim, consuma porções de comida que vão de encontro às suas necessidades alimentares e nem de mais, nem de menos.

Beba água.

Beber bastante água todos os dias é sem dúvida uma das melhores dicas de dietas para emagrecer ou manter o peso perdido, ou seja, é um excelente substituto para qualquer outra bebida, principalmente aquelas que engordam. Para além de assegurar os nossos níveis de hidratação, o consumo de água é saciante, o que nos deixa com menos fome.

Alimentos com poucas calorias.

Em relação aos alimentos que combatem a gordura, você deve apostar nesta trilogia que, para além de ser pouco calórica, tem uma enorme variedade de opções saborosas e saudáveis para oferecer: fruta, legumes e cereais integrais.

Faça pequenas refeições de 5 a 6 vezes ao dia.

Uma das melhores dicas de dieta para você emagrecer e conseguir manter o peso sob controle é fazer várias e pequenas refeições ao longo do dia, em vez de três refeições pesadas. Os lanches são uma excelente maneira de saciar o apetite, manter os níveis de energia elevados e evitar os “ataques de fome” na hora das refeições principais. Também aqui é necessário escolher inteligentemente os snacks  onde você deve procurar por alternativas saborosas e pouco calóricas.

Leia sempre as informações Nutricionais dos alimentos

Uma coisa que é importante aprender durante o seu processo de emagrecimento é  a ler informação nutricional dos rótulos alimentares  de modo que lá você encontrará tudo o que precisa para controlar o consumo de calorias, para regular as porções e tornar mais saudável a sua alimentação. Saber exatamente o que comemos é essencial para manter a boa forma.

Se alimente de maneira inteligente.

Ter uma alimentação saudável promove inúmeros benefícios tanto ao nosso corpo quanto a nossa mente, mas nem sempre é fácil eliminar as nossas comidas e guloseimas preferidas do dia-a-dia.  Sendo assim, reduza as quantidades  de guloseimas aos poucos , começando a cortar para metade, depois para um terço, depois para um quarto e assim sucessivamente até eliminar definitivamente os alimentos altamente calóricos, gordurosos e pobres em nutrientes.

Invista no consumo de fibras

Invista no consumo de fibras  na sua dieta no dia a dia, pois as fibras são altamente inibidoras de um apetite descontrolado, ou seja, não nos deixa com a sensação de fome e mantém os níveis de açúcar equilibrados, o que evita o desejo por doces e a vontade de comer demais.

Se movimente.

Todas as dicas de dietas só são validas a partir do momento que você se habitua pela prática regular de algum tipo de exercício físico. Para além de todos os benefícios de saúde que o exercício físico traz, é a fórmula secreta para perder peso e mantê-lo longe. Comece pequeno, com uma caminhada diária de 15 minutos, por exemplo, e vá aumentando o seu tempo de ginástica aos poucos. Aprenda a manter o seu plano de fitness – é apenas uma questão de hábito, uma questão de saúde.

Tenha oito horas de sono todos os dias

Hoje em dia existem inúmeros estudos científicos que estabelecem uma real conexão entre a insuficiência de horas de sono com o aumento de peso e o cansaço com a vontade de comer excessivamente. Garanta as suas oito horas de sono diárias para manter os quilos a mais bem longe.

Faça um diário sobre tudo que você come.

Escreva sobre tudo aquilo que come todos os dias de modo que essa atitude é uma excelente maneira de perceber onde é que está a cometer os seus maiores “pecados alimentares” e corrigi-los.

Alimentos para perder peso

Alimentos para perder peso
Alimentos para perder peso

Obviamente você já deve ter ouvido e lido a respeito de alimentos que servem para perder peso como beber água gelada ou beber chá verde diariamente, comer alguns tipos de pimenta,  consumir gengibre e se alimentar de produtos que contenham ômega 3  são considerados ótimos itens para acelerar o metabolismo se tornando os principais alimentos para perder peso.

Basicamente, uma dieta saudável  deve abrigar todos os nutrientes que o seu corpo necessita para funcionar  perfeitamente trazendo assim alguns alimentos que ajudam a emagrecer. Esses alimentos para perder peso a fome, aumentam o metabolismo e auxiliam na queima de gordura. Confira a lista dos 10 maiores aliados do seu regime e da sua saúde.

Nos dias de hoje, o ato de se torturar com dietas e exercícios onde geralmente você passa fome  não existe mais de modo que a verdadeira resposta para perder peso com sucesso é ser feliz na sua escolha. A partir do momento que as escolhas feitas para perder peso for muito desagradável, mais difícil será para alcançar esse objetivo.

Sendo assim, para emagrecer é preciso primeiramente focar sua mente para a  criação de uma dieta sustentável,  de modo que você possa desfrutar e ao mesmo tempo estimular o processo de perder peso. Dessa forma, você pode começar com a escolha dos alimentos, e agora te apresentamos 6 deles, considerados os melhores alimentos para perder peso.

  • Aveia 

A aveia está no top da lista dos alimentos para perder peso de modo que além de controlar a fome, a aveia auxilia o seu corpo a eliminar as toxinas que não faz bem. A aveia é uma fonte rica em fibras solúveis, que ficam mais tempo no estômago e se transformam em gel, atraindo as moléculas de açúcar e gordura, que são eliminadas pelas fezes.

  • Salmão

O Salmão é um dos mais famosos alimentos para emagrecer de modo que as suas proteínas magras aumentam a sensação de saciedade, mas apenas 50% das mulheres comem este nutriente regularmente. O salmão, além de não possuir as gorduras saturadas presentes na carne vermelha, é rico em ômega 3, substância que promete melhorar a memória, concentração e diminuir os níveis de estresse.

  • Arroz integral

Fazer a substituição do uso o arroz branco pelo uso do arroz integral é uma troca pra lá de inteligente. Meia xícara do grão integral contém 1,7 g de amido resistente, um carboidrato saudável, que ajuda o metabolismo a queimar gorduras e fornece bastante energia.

  • Feijão

O feijão é um ótimo alimento para perder peso, pois possui uma alta concentração de fibra solúvel, que prolonga a sensação de saciedade. Uma concha de feijão por dia é o suficiente.

  • Quinoa

A quinoa é um grão com uma fonte rica em proteínas e fibras, tem baixo índice glicêmico e não contém glúten.  A pera proporciona uma  saciedade prolongada e fornecem energia, pois seus carboidratos são metabolizados lentamente.

  • Pera

A pera é uma das dicas de alimentos para emagrecer de modo que ela  pode fornecer até 15% da quantidade diária recomendada de fibras e a maior parte delas está na casca. Um estudo revelou que mulheres que comeram três peras por dia, consumiam menos calorias e perdiam mais peso.

  • Chá-verde

O chá verde está classificado como um dos principais alimentos para perder peso, pois os antioxidantes contidos na bebida desintoxicam e desincham o corpo e ajudar a queimar gordura. O chá  verde é conhecido como um dos alimentos que aceleram o metabolismo e melhora a digestão, mas para sentir todos esses efeitos não vale tomar só dois golinhos: pode incluir cinco xícaras na dieta diariamente.

  • Banana

A banana é considerada um superalimento, pois além de ajudar a emagrecer faz bem ao coração. Uma banana média um pouco mais verde acelera o metabolismo devido aos 12,5 g de amido. Quando madura, ela ainda apresenta 5 g do nutriente.

  • Iogurte natural

As “bactérias do bem” que estão sempre presentes no iogurte tornando um dos melhores alimentos para perder peso, pois melhoram o funcionamento da flora intestinal e a absorção de nutrientes de modo que você sente menos fome, a barriguinha desincha e o metabolismo fica mais acelerado.

  • Chocolate amargo

Mediante a realização de uma  pesquisa científica feita na Dinamarca  foi apontado que as pessoas que consomem um pedaço do doce amargo pela manhã , elas fazem um 15% menos calorias ao longo do dia. Isso sem contar que, o chocolate amargo é rico em gorduras monoinsaturadas, saudáveis para queimar gorduras.

Outras dicas para manter o metabolismo acelerado:

– Fracionar as refeições entre cinco e seis vezes ao dia;

– Comer devagar e mastigar bem os alimentos;

– Reduzir o consumo de alimentos gordurosos e ricos em açúcar e farinhas refinadas;

Dicas de alimentação para emagrecer rápido

Dicas de alimentação para emagrecer rápido2
Dicas de alimentação para emagrecer rápido2

Se o seu objetivo é emagrecer rápido e de uma vez por todas,  saiba que o mais importante é fazer o uso de dicas de reeducação alimentar  por meio desse artigo conheça dicas de reeducação alimentar que sem dúvida é o metido infalível para conquistar o seu peso ideal para sempre!

O que acredito que você já saiba é todo tipo de dieta que ofereça baixas calorias somente poderá ser realizada apenas durante um período de tempo,  já em contrapartida  fazer uma reeducação alimentar  pode oferecer para sua vida, uma mudança definitiva e para melhor nos seus hábitos alimentares  oferecendo também uma melhor qualidade de vida e  se torna indispensável para você emagrecer rápido e de uma vez por todas.

Para que você posa emagrecer rápido e de uma vez por todas é  siga as  dicas de reeducação alimentar abaixo e  compreende pequenos passos em poucos detalhes que juntos formam uma verdadeira barreira contra o sobrepeso!

1- Mastigue a sua refeição devagar e muitas vezez 

Uma preciosa dica para que você possa emagrecer rápido é muito fácil e de uma grande simplicidade de modo que você não terá que fazer nenhuma mudança radical nos alimentos que você consome e já pode começar trazendo bons resultados para você .

É importante entender que os alimentos precisam ser  bem mastigados pelo menos 30 vezes antes de serem engolidas. E um dos maiores benefícios produzidos pela mastigação mais longa é o estímulo da produção dos hormônios da saciedade. O hábito  de mastigar bastante os alimentos também contribui para que o processo  digestivo seja mais eficiente.

2- Coma corretamente de 3 em 3 horas

Para emagrecer rápido é preciso manter o seu metabolismo sempre trabalhando, por isso não faça intervalos longos entre uma refeição e outra  lembrando que  é importante respeitar essa regra de reeducação alimentar para nunca mais engordar.  Dessa forma, o mais indicado é que as suas refeições sejam feitas de três em três horas. Contudo, é importante prestar atenção de modo que isso não quer dizer que você deve se encher de comida a cada três horas. Sendo assim, entenda que espaço de tempo entre o seu café da manhã e o almoço  você pode comer uma fruta ou outro alimento saudável e de baixa caloria.

 

3- Não faça compras de alimentos com fome.

Se você quer realmente emagrecer  rápido,  não  faça as suas compras de alimentos com fome de modo que, quando você está com fome, as guloseimas, frituras e alimentos pré-prontos serão as suas opções mais fáceis.

Para que você não caia na tentação, procure fazer as suas compras sempre após fazer uma refeição. Assim você evita de cair na tentação dos lanchinhos rápidos que não são nada saudáveis.

4- Faça um planejamento alimentar .

Emagrecer rápido e de forma definitiva é aprender a comer  de maneira que se torna essencial conhecer os alimentos e saber porque eles serão consumidos. Daí surge a importância de planejar a sua alimentação corretamente.

É importante lembrar que o  café da manhã é realmente a refeição  mais importante do seu dia, pois ela ocorre geralmente das 5h às 8h da manhã que é o horário em que o seus sucos gástricos já metabolizaram os alimentos ingeridos na noite anterior e se torna necessário se alimentar a fim de prevenir gastrites e outros problemas alimentares.

A melhor recomendação é que a partir do meio-dia seja a hora da próxima refeição principal onde você deve evitar ao máximo as massas e frituras e dar uma maior preferência para aos grelhados. Na hora do almoço vale a pena investir em pratos coloridos, com legumes e verduras. Sendo assim, essa refeição  precisa conter uma porção de arroz, de grãos como o feijão que é rico em fibras,  e acompanhar uma porção de proteína que pode ser filé de frango, peixe ou um corte magro de carne bovina.

Durante essas principais refeições como o almoço e jantar, você pode fazer o livre de alimentos como alface, espinafre, tomate, pepino e vegetais.  Contudo, tenha cuidado para não exagerar no tempero, o aconselhado é que a quantidade de sal seja moderada.

A indicação é que o  horário para a sua  hora do jantar  seja  de três a quatros horas antes da  sua hora de dormir. Caso você fique com fome durante o intervalo entre a última refeição e o momento de ir para a cama, você pode comer uma fruta ou beber um copo de leite desnatado.

clique e descubra como emagrecer de vez